HEVILAN assinou um contrato com a gravadora para o lançamento mundial do álbum título Symphony of Good and Evil

Estamos felizes em receber um novo artista no Roster da Brutal Records. HEVILAN assinou um contrato com a gravadora para o lançamento mundial do álbum título “Symphony of Good and Evil” Notorious Heavy Symphonic Metaloutfit HEVILAN Return com o frenético novo álbum “The Symphony of Good and Evil” eles têm o que é preciso para tornar este estilo muito agradável e exigente e poderia realmente satisfazer a todos com sua caminhada na corda bamba, lançado pela Brutal Records 19 de março de 2021

HEVILAN: Johnny Moraes – Guitarra

Alex Pasqualle – Vocais

Biek Yohaitus – Baixo Rafael

Dyszy – Bateria

Hevilan “Symphony of Good and Evil” é um álbum que contém mais do que sua cota de ritmos violentos e riffs afiados e afiados, as acrobacias vocais de Alex Pasqualle estão apenas no centro das atenções em sinfonias convincentes de metal lodo e operístico como o monstruoso início de “Dark Paradise” e a assustadoramente trovejante “Great Battle”. Os riffs robustos, o caráter pesado e a coragem em alguns dos vocais definitivamente colocam HEVILAN mais em direção ao heavy metal sinfônico progressivo moderno, mas ao mesmo tempo as melodias, o uso muito bom de um coro e a dinâmica e energia mostram claramente que seus raízes estão firmemente plantadas no solo tradicional de heavy / power metal do Brasil. E se o som de Hevilan tivesse que ser condensado em uma palavra, então “poderoso” provavelmente seria um dos primeiros a vir à mente, porque o riff é nada menos que punível e está mais perto do heavy metal do que do metal sinfônico na maioria das vezes . Quando HEVILAN começa, porém, eles realmente vão para lá, como a poderosa “Rebelião dos santos”, o martelo de velocidade “Devil within part I e II” ou a excelente balada “Always in my dreams”, onde os brasileiros provam que eles usam não tem que se esconder atrás de ninguém. Nasceu então o HEVILAN, um grupo que prima pelo virtuosismo e desenvolvimento musical, em todas as suas formas. Em 2006, o primeiro trabalho foi lançado: “Blinded Faith” é um EP de três faixas que serviu para apresentar o HEVILAN ao público em geral e à mídia especializada. A gravação traz um fantástico trabalho de composição e letras que protestam contra qualquer forma de alienação mental. Hevilan “Johnny Moraes” Em abril de 2014, foi escolhido para jogar como sideman de Warrel Dane (Nevermore, Sanctuary) em sua turnê brasileira. Sanctuary and Nevermore, além de artista solo, em 2014 Warrel se uniu aos músicos brasileiros Johnny Moraes (guitarra), Thiago Oliveira (guitarra), Fabio Carito (baixo) e Marcus Dotta (bateria) como sua banda de turnê e, finalmente, este sucesso colaboração levou a planos para um novo álbum de estúdio. As gravações de “Shadow Work”, o seguimento de “Praises to the War Machine” de 2008, começaram no outono de 2017 no estúdio Orra Meu, em São Paulo, e Travis Smith começou a criar a arte seguindo um conceito e ideias previamente discutidas com Warrel .No ano de 2005, com algumas canções compostas, o guitarrista Johnny Moraes decide montar uma banda de heavy metal com uma orientação mais pesada e melódica. Na busca por músicos que pudessem compartilhar seus mesmos ideais, ele encontra Biek Yohaitus e Alex Pasqualle (baixo e vocal, respectivamente).

HEVILAN

http://www.hevilan.com/
https://www.facebook.com/Hevilan
https://twitter.com/hevilanmetalhttps://www.instagram.com/hevilan_official

BRUTAL RECORDS
https://www.brutalrecords.com/ (Coming Soon)
https://brutalrecords.bandcamp.com/
https://soundcloud.com/brutalrecords
https://www.instagram.com/brutalrecords.official/
https://www.facebook.com/BrutalRecords.USA/
https://twitter.com/BrutalRecordsUS

Spotify Playlist : https://cutt.ly/YhTXMVV

Youtube Channel
https://cutt.ly/fynVL7h

0 comments on “HEVILAN assinou um contrato com a gravadora para o lançamento mundial do álbum título Symphony of Good and EvilAdd yours →

Deixe uma resposta