SEU JUVENAL

O Seu Juvenal foi formado em Uberaba em 1997. A primeira demo, “Cyberjecas no Sertão da Farinha Podre”, saiu no ano seguinte. Surgiram shows, festivais, mais demos e participações em coletâneas. A banda então gravou e lançou dois discos, “Guitarra de Pau Seco” (2004) e “Caixa Preta” (2008), e transferiu-se para a cidade de Ouro Preto/MG onde reside e trabalha há 18 anos.

“Rock Errado”, o mais recente álbum, obteve uma resposta altamente positiva da imprensa de todo Brasil, o que acabou por projetar e consolidar o nome da banda em todo país. O site Rock On Stage, que avaliou o disco com nota 9,5, destacou a pluralidade musical do trabalho: “Poderia dizer que Rock Errado é um disco de Punk, Indie, Alternativo, mas não é…. trata-se de um som elétrico, incansável, ácido, perturbado e que demonstra uma banda sem limites para tocar” .

Outras declarações super positivas publicadas na imprensa sobre “Rock Errado” incluem:
“Seu Juvenal é Rock Errado, é música da melhor qualidade! Um raro sinal de inteligência no meio do Rock nacional” (A Música Continua A Mesma); “(…) um novo ângulo do gênero, um novo timbre, novos horizontes. O ‘Rock Errado’ que nos leva ao certo” (Riff And Destroy); “Música autoral inteligente” (Zona Punk); “(…) para deixar nos ouvidos algo curioso e novo no repetitivo mercado musical nacional da atualidade” (Consultoria do Rock); “Brilhante” (Heavy And Hell); “(…) produção impecável (…) trabalho primoroso e de muito bom gosto” (Heavy Metal Brasil); “(…) banda madura que acerta na escolha do repertório, fugindo das fórmulas fáceis… O rock pode estar errado, mas o Seu Juvenal não.” (Blog Na Mira).

A consolidação do sucesso de “Rock Errado” veio com a indicação para o Prêmio Dynamite, a maior e mais tradicional premiação da cena independente brasileira. O Seu Juvenal concorreu na categoria “Melhor Álbum de Rock” onde também figuraram outros grupos de destaque como Far From Alaska, Cidadão Instigado e Nação Zumbi.

Toda essa repercussão de “Rock Errado” no Brasil reverberou-se para a Europa, onde a banda acabou sendo convidada para realizar sua primeira turnê em Setembro de 2017. Foram ao todo oito shows por três países: República Tcheca, Polônia e Eslováquia. A “Rock Errado European Tour” foi financiada pelo “Programa Música Minas”, iniciativa do Governo do Estado de Minas Gerais, por intermédio da Secretaria de Estado de Cultura, que visa apoiar a cadeia criativa e produtiva da música mineira. O projeto de turnê do grupo foi um dos 12 selecionados entre as 51 propostas inscritas para a terceira chamada anual do edital e recebeu apoio financeiro para sua realização.

De volta ao Brasil, o Seu Juvenal está em processo de composição para seu próximo trabalho autoral e vem apresentando o show “Maldito Rock” que reúne versões rock ‘n’ roll para clássicos “Lado B” da música popular brasileira.

O repertório é recheado de composições dos “Malditos da MPB” como Walter Franco, Jards Macalé, Itamar Assunção, Sergio Sampaio entre outros que foram considerados ícones da música anticomercial, inovadores e provocadores naturais, eternos inquietos. Com o mesmo espírito desses gurus do inconformismo, o Seu Juvenal se coloca num desafio: transformar a poesia desses mestres em algo novo, como numa disponibilização do passado ao futuro, rumo ao desconhecido.

A estreia do show “Maldito Rock” aconteceu em Junho/2017 como parte da programação oficial da 12ª Mostra de Cinema de Ouro Preto/MG no Sesc Cine Lounge Show, dentro do Centro de Convenções da UFOP. Desde então tem percorrido outras unidades do Sesc, centros culturais e casas de espetáculos em todo país.

Contato Facebook

Deixe uma resposta